A Superior Diferença Entre Nações Endividadas E Famílias Endividadas


Como Criar Um Blog: Vinte e quatro Passos (com Imagens)


A Web permite-nos de facto adquirir um grande conjunto de métricas de forma enérgica sobre a forma como os nossos blogs e visitantes se comportam. E isto naturalmente faz a diferença quando comparamos com outro tipo de meios como uma brochura em papel ou até um anúncio de televisão. Na realidade não há meio onde a medição de audiências seja tão descomplicado e necessita como no digital.


Com este manancial de dica é assim fundamental perceber como é que queremos retirar partido destes detalhes e transformá-los em dica proveitoso e a respeito da qual possamos actuar pra aprimorar o desempenho do nosso web site no âmbito do negócio. Já que carecemos verificar o desempenho do nosso blog? A pergunta não é árduo uma vez que determinar o tráfego do nosso blog é certamente uma coisa que é considerável para avaliar a forma como este coopera para o negócio.


  • Que reflexões você quer que tua audiência tenha

  • 70% dos consumidores se sentem uma conexão mais próxima com a marca. (Fonte: DemandMetric)

  • Não detém diversas opções de assunto/aparência

  • 4 19. Seja um Instalador de Sistemas de Energia e Placas Solares

  • Imóveis e Moradia

  • Ter um chat em real-time pra atender aos compradores



Desejamos saber qual é o funcionamento corrente do blog e como é que esse funcionamento se altera face a todas as iniciativas de dinamização e activação que planeamos e desenvolvemos. Devemos de mensurar tudo o que seja interessante para podermos aperfeiçoar pelo motivo de na verdade, se não seguirmos o efeito do jogo, nunca sabemos se estamos a ganhar ou a perder. A análise do tráfego do nosso blog é sério porque no limite nos vai permitir perceber como é que necessitamos trabalhar o mesmo de forma a gerar o melhor repercussão possível para o negócio. Semelhante imediatamente dissemos é respeitável reconhecer os KPI (Key Performance Indicator) que são respeitáveis para nós, e estes dependem em concreto do tipo de negócio digital que temos. Os KPIs são então as variáveis que vamos determinar e portanto é primordial primeiro discernir quais os KPIs mais sérias e depois analisá-los de forma frequente e evolutiva para percebermos como é que variam em atividade das nossas iniciativas.


Actualmente a ferramenta mais usada para monitorizar sites em uma expectativa de tráfego e de negócio é sem sombra de dúvida o Google Analytics e é dessa forma nela que nos vamos ao ponto chave disto. Como de imediato indicamos o Google Analytics é, de distanciado, a ferramenta mais popular para verificar o tráfego em web sites. Gratuita, permite a utilização de uma maneira simples ou muito avançada, consoante o grau de conhecimento do utilizador da mesma. No entanto o Google Analytics não é a única maneira de monitorizar o tráfego dos blogs. KISSmetrics, que se afirma como uma ferramenta de análise de tráfego que socorro na aquisição e bem como pela retenção de clientes ao anexar fato a respeito os hábitos e envolvimento deles no site, antes e após a compra. Chartbeat é uma ferramenta focada pela detalhes em tempo real sobre o tráfego do website. Tem um dashboard robusto, uma app pra iPhone e alertas estrada e-mail. Mint é idêntico com o Google Analytics no tipo de dado que recolhe dos sites, como referrals, pesquisas, páginas populadas e tendências de tráfego.


Internet Trends dá como principais características o facto de permitir mensurar não apenas o tráfego do web site, como outros canais, nomeadamente presenças sociais e conta com um conjunto de relatórios pré-estabelecidos muito completos. O Google Analytics é, definitivamente, uma das melhores escolhas que queremos fazer e porventura a mais consensual. Não obstante isso é preciso termos consciência que todos as informações de tráfego (e eventualmente outros) relativos aos nossos visitantes estão a ser enviados para o Google.


Se por um lado um Google nos disponibiliza o serviço de graça, tem como contrapartida a captação destes detalhes que depois pode cuidar de modo agregada para perceber o que se passa pela Web como um todo. De notar inclusive até quando algumas empresas colocam objecções a esta partilha de fatos com o Google por entenderem que esta multinacional poderá ficar a saber demasiado a respeito do teu negócio.


Esse é um ponto com o qual precisamos estar confortáveis quando optamos por Google Analytics. Quais as métricas que desejamos descobrir no Google Analytics? Num primeiro espiar, o Google Analytics é uma ferramenta complexa no entanto com qualquer tempo de exibição à mesma é fácil obtermos pelo menos os detalhes mais importantes do funcionamento do nosso web site.


No momento em que entramos no Analytics com a nossa conta Google, por defeito, a primeira página que vemos é uma tabela dos blogs que associámos à plataforma. Seleccionando um deles, entramos na parte que importa: a dos relatórios. Tempo real: a particularidade destes detalhes reside no facto de estarem a ser obtidos em tempo real.


Ou melhor, todos os detalhes aqui presentes estão a ser actualizados ao momento. Portanto podemos neste local ver exactamente quantos utilizadores estão no site e o que estão a fazer no momento. Locais: este relatório oferece-nos uma interpretação georeferenciada dos dados. Conseguimos saber onde se encontram fisicamente os actuais visitantes do web site.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *